Por que ter vosso negócio no Google?

“Maria gostava de comprar um bolo de aniversário para sua filha e vossa amiga falou muito bem sobre uma pastelaria que Maria não conhecia. Ela então decidiu ir até a loja conhecer as opções do cardápio e os preços”.

Essa história pode ser real, mas é bem improvável hoje mesmo nas aldeias, não só por causa do Coronavírus e as regras de distanciamento, mas também porque é muito mais prático procurarmos no Google o que precisamos. Lá podemos encontrar, por exemplo, produtos e preços, depoimento de clientes felizes, opções semelhantes na região e outras informações que nos ajudarão a tecer uma imagem sobre o negócio.

Com essas informações, já tomamos nossa primeira decisão em direção à compra, pois se não gostarmos do que encontramos, não entraremos em contacto ou vamos para a concorrente. Porém, se for do nosso agrado, mandaremos uma mensagem, um email, ligamos ou até iremos lá conferir de perto.

Saber o que seu cliente procura no google e falar a mesma língua, perceber suas referências de preço e qualidade são tarefas contínuas e que exigem dedicação e técnica. Um bom começo é procurar serviços semelhantes ao seu para saber o que falam e como falam, depois publicar sua empresa no Google Meu Negócio e criar redes sociais dedicadas ao negócio. Criar um website institucional, uma loja virtual ou vender seu produto em market places, como a OLX, são parte da estratégia de negócio e comunicação.

Se não percebes nada disso ou quer focar em entregar o melhor produto possível, conte com a WMC Publicidade para fazer o resto.

Não venda produto, venda propósito!

“As pessoas não compram o que você faz, elas compram o porquê você faz. Aquilo que você entrega é só uma prova da autenticidade do seu propósito.”

Simon Sinek

Durante a faculdade de publicidade e marketing aprendemos que é mais caro conquistar um novo cliente do que manter um já existente e observando o dia a dia, percebemos que não importa o tamanho e custo do produto ou serviço, preferimos marcas que conhecemos ou que nos recomendaram, confiamos nelas, o que nos faz comprar e/ou recomendar outros produtos, mesmo sem termos experimentado. 

Também aprendemos que as pessoas gostam de histórias bem contadas mais do que de saber de especificações, elas querem o problema delas resolvido, não importando muito como isso ocorra. É o grande clichê do marketing: Você não compra uma furadeira, você compra sua casa bonita e organizada com os quadros e prateleiras no lugar. 

Então qual é esse problema, essa vontade que as pessoas têm que seu negócio resolve? E por que decidiste criar e manter o negócio?

Para responder isso, podemos usar o que pensamos e decidimos no post Tive uma ideia de negócio e agora? junto com o Golden Circle. Se já sabes o que faz, e entendes como faz isso, podemos encontrar o porquê. Para que entendas melhor, vamos dar nosso exemplo.

O que: assessoria de negócio e comunicação para micro, pequenas e médias empresas.

Como: através de pesquisa e pensamento estratégico, estruturamos identidade visual e comunicação nos mais diversos pontos de contato. 

Porquê: acreditamos que o crescimento de negócios locais mudam as comunidades para o bem ao empoderá-las economicamente. 

O modelo proposto é abstrato e por isso, fornece-nos as razões dos nossos esforços diários, das incontáveis reuniões, emails, planilhas e entregas. Também é um bom começo para a comunicação do seu negócio uma vez que os seus clientes entendam suas motivações e tenham prova disso através de algum produto ou serviço, eles podem confiar que tudo o que ofereces, terá a mesma qualidade e atenção. 

Nem todo negócio tem um porquê filosófico e profundo, alguns nasceram para gerar lucro ou porque o fundador sabia fazer aquilo e isso não muda a autenticidade ou a determinação necessária para manter o negócio girando. 

Não é fácil entender ou descobrir o porquê, mas vale a pena e, se precisares de uma mãozinha, conte connosco.